09.04.202006:52:00UTC+00Exportações alemãs sobem; Importações caem mais do que se esperava

O crescimento das exportações alemãs acelerou, enquanto as importações caíram mais do que o esperado em fevereiro, revelaram quinta-feira os dados do Destatis. As exportações cresceram 1,3% no mês, muito mais rápido do que o aumento de 0,1% em Janeiro. Os economistas esperavam uma queda de 1%. Entretanto, as importações diminuíram mais do que o esperado em 1,6%, após um aumento de 0,6% em janeiro. Previa-se que as importações diminuíssem 0,7%. O excedente comercial aumentou de 18,7 mil milhões de euros em janeiro para 21,6 mil milhões de euros corrigidos de sazonalidade. Houve uma forte diminuição do comércio externo com a China devido à pandemia de coronavírus, disse o Destatis. Os principais efeitos da crise do coronavírus nos resultados do comércio externo podem ser esperados a partir do mês de referência de março. Numa base anual, as exportações aumentaram 0,4% em Fevereiro, em contraste com uma queda de 1,9% em janeiro. Ao mesmo tempo, as importações caíram a um ritmo mais rápido de 2,9%, depois de terem diminuído 1,5%. Em consequência, o excedente comercial aumentou de 17,8 mil milhões de euros no mesmo período do ano passado para 20,8 mil milhões de euros não ajustados. Os dados mostraram que o excedente da balança corrente aumentou de 15,8 mil milhões de euros em fevereiro de 2019 para 23,7 mil milhões de euros.



Não pode falar agora?
Faça sua pergunta no chat.