empty
 
 
China aumenta controle do setor de tecnologia

China aumenta controle do setor de tecnologia

A China, há muito desconfiada do próspero setor de tecnologia, está agindo de forma assertiva para controlá-lo. Segundo o The Wall Street Journal, o governo chinês está considerando novas medidas para exercer um controle mais rígido sobre as principais empresas nacionais de tecnologia. Supostamente, algumas empresas terão que desativar os sistemas de pagamento de seus aplicativos.

Entre as empresas sujeitas às novas restrições estarão 13 grandes empresas chinesas, principalmente a Tencent com o mensageiro WeChat, a ByteDance (proprietária da TikTok) e a empresa de compartilhamento de carros Didi.

O sistema de vigilância tem certeza de que essas empresas de tecnologia representam uma ameaça à segurança nacional do país. Um dos motivos para o controle total foi a emissão de empréstimos por essas organizações, sem o suporte de licença bancária. Além disso, estas empresas têm acesso aos dados pessoais de seus usuários à medida que obtêm informações de seus próprios sistemas de pagamento.

As autoridades chinesas destacam que todas as 13 empresas concordaram com as restrições propostas. Eles estão prontos para ajustar seu trabalho para atender aos requisitos. Os chefes das gigantes da tecnologia não comentaram a situação.

O The Wall Street Journal acredita que essas medidas não têm precedentes em termos de controle sobre os negócios na Internet.


Back

See aslo

Não pode falar agora?
Faça sua pergunta no chat.