empty
 
 
Banco Mundial suspendeu a ajuda financeira ao Afeganistão.

Banco Mundial suspendeu a ajuda financeira ao Afeganistão.

Depois que as instituições de empréstimo globais anunciaram o congelamento de qualquer ajuda financeira ao Afeganistão, o Banco Mundial rapidamente seguiu o exemplo. Ao não apoiar o governo liderado pelo Talibã, o Banco Mundial declarou que encerraria o financiamento de quaisquer projetos no país após a tomada do poder pelo Talibã.

" Paramos os pagamentos em nossas operações no Afeganistão e estamos monitorando e avaliando de perto a situação de acordo com nossas políticas e procedimentos internos", disse a porta-voz Marcela Sanchez-Bender. "Estamos profundamente preocupados com a situação no Afeganistão e o impacto sobre as perspectivas de desenvolvimento do país", acrescentou ela.

Até a tomada do poder pelos terroristas, o Banco Mundial havia se comprometido com mais de 2 bilhões de dólares para o financiamento de quase 30 projetos. A maioria deles era destinada à agricultura e aos sistemas de pagamento no Afeganistão. A organização de empréstimos julgou apropriado interromper o envio de dinheiro para o país cujo governo não é reconhecido como legítimo por todos os 189 países representados no Banco Mundial.

Anteriormente, o Fundo Monetário Internacional declarou que o Afeganistão não pode contar com nenhuma ajuda financeira da instituição de crédito. A organização suspendeu mais de US$370 milhões que tiveram que ser distribuídos como um pacote de emergência em meio ao apoio global às nações de baixa renda no momento da crise econômica.

Back

See aslo

Não pode falar agora?
Faça sua pergunta no chat.