empty
 
 
Alemanha começa a encher seu maior local de armazenamento de gás.

Alemanha começa a encher seu maior local de armazenamento de gás.

A Alemanha não será liderada pela Rússia quando o assunto for fornecimento de energia. O país está decidido a resistir à “chantagem do gás” russo e se preparando para introduzir uma proibição em seu fornecimento de gás.

Há muito tempo a União Europeia percebeu que o fornecimento de gás da Rússia é tudo menos um projeto comercial. Moscou usa o gás como uma ferramenta política para ameaçar a Europa com invernos frios e a falta de calor e eletricidade durante anos. A demanda da Rússia por pagamentos de gás em rublos se tornou um alerta para a Alemanha. O país entendeu que era hora de acabar com esta relação tóxica. A Alemanha não tem nenhuma intenção de pagar pelo gás em rublos. Em vez disso, ela pretende abandonar totalmente o gás russo. O governo introduziu um conjunto de medidas destinadas a fornecer empréstimos e apoio a empresas de energia e a assumir empresas vitais, como refinarias de petróleo, incluindo as estrangeiras, até mesmo a ponto de sua nacionalização. É claro que se trata apenas de empresas russas.

Ao mesmo tempo, a Alemanha está agora expandindo ativamente suas reservas de gás. Rehden, a maior instalação subterrânea de armazenamento de gás da Europa Ocidental, pode conter cerca de 4 bilhões de metros cúbicos de gás. Agora está sendo abastecida a um ritmo acelerado. A instalação está atualmente 0,6% abastecida, o que está muito abaixo da média de 36% para os locais de armazenamento de gás da Alemanha.

Back

See also

Não pode falar agora?
Faça sua pergunta no chat.