Support service
×

Capítulo 18 Moedas commodities no Forex

Moedas de commodities no Forex
 
Como já vimos nos capítulos anteriores, o preço da moeda é determinado por uma grande variedade de fatores, tais como: econômicos, políticos e alguns outros. Todos os fatores listados relativos a cada país separadamente influenciam sua moeda nacional em seu caminho - alguns deles mais e outros menos. Mas no Forex, existem moedas, cujos preços são determinados principalmente por um fator - as exportações do país. Essas moedas são denominadas moedas de commodities no Forex.
 
A característica especial das moedas de commodities é que as economias desses países são baseadas nas exportações de matérias-primas - petróleo, gás, metais e commodities agrícolas. Existem muitos países cujas moedas se enquadram nessa definição. As economias mais avançadas dependentes de exportação são Canadá, Austrália e Nova Zelândia. Como a moeda desses países é o dólar (local em cada país), é comum chamá-los de dólares commodities ou comdolls. O fato das exportações de commodities serem o principal fator de bem-estar econômico para esses países, fazem com que suas moedas nacionais se valorizem sempre que os preços das commodities aumentam e vice-versa. É por isso que os especialistas apontam a correlação (interação) do preço do petróleo no mercado global com as moedas das commodities.
 
O dólar canadense (CAD), o dólar australiano (AUD) e o dólar da Nova Zelândia (NZD) estão entre as moedas mais negociadas no Forex. Portanto, a compreensão de suas especificidades como moedas de commodities certamente contribuirá para o sucesso das negociações no mercado de câmbio. Agora, vamos considerar cada moeda de commoditie separadamente e fazer comentários para cada uma delas.

O Canadá é famoso por sua segunda maior reserva de petróleo, depois da Arábia Saudita. O petróleo é chamado de “ouro negro”, o que significa uma alta demanda por essa commoditie na arena mundial. Portanto, devido à sua localização vantajosa, o Canadá parece ser o maior exportador de petróleo do mundo. Os EUA têm falta deste recurso, sendo o principal importador do Canadá. Portanto, as flutuações do preço do petróleo refletem a taxa do par USD / CAD na proporção reversa. O crescimento do preço do petróleo empurra o USD / CAD para baixo em meio à valorização do dólar canadense. Existe uma correlação inversa entre o preço do petróleo e a taxa USD / CAD. Desde janeiro de 1988, os analistas registraram mais de 68% de correlação inversa entre a dinâmica do petróleo e USD / CAD - é uma inter-relação bastante forte! Se você conhece este fato, isso o ajudará muito na previsão de uma dinâmica de USD / CAD no Forex.
 
A economia da Austrália depende principalmente das exportações de ouro refinado, que representam mais de 50% das exportações do país. Isso ocorre devido aos campos de ouro que a Austrália tem à sua disposição devido à sua posição geográfica. O preço global do ouro e a taxa AUD / USD têm uma correlação mais forte do que o preço do petróleo e o par USD / CAD. De janeiro de 1980 a 2006, as flutuações do AUD / USD e dos preços do ouro foram quase iguais. Além disso, houve uma tendência de que a reversão da tendência do ouro antecedeu a reversão da tendência AUD / USD. Em 2005/2006, a correlação mudou quando o preço do ouro subiu enquanto não havia tendência de alta do dólar australiano em relação à moeda dos EUA. No entanto, a correlação permanece no longo prazo e pode ser usada como um instrumento de previsão adicional no Forex. Você deve saber que o preço global do ouro e do AUD / USD têm correlação direta.

A economia da Nova Zelândia depende principalmente das exportações, bem como de seu vizinho ocidental. Mas, ao contrário da Austrália e do Canadá, nenhum tipo específico de matéria-prima domina as exportações da Nova Zelândia. O país fornece produtos lácteos, carne, peixe, madeira, lã, etc. Devido à grande variedade de itens brutos vendidos, o Índice do Bureau de Pesquisa de Mercadorias (Índice CRB) é usado para determinar a correlação entre os preços das commodities exportadas e a taxa da moeda nacional em relação ao dólar americano. Este índice envolve as principais commodities e parece ser o indicador de crescimento da inflação no mundo. O valor do Índice CRB e o NZD/USD têm correlação direta. Este conhecimento pode simplificar a análise e a previsão no Forex.
 
Resumindo, é melhor considerar a correlação entre os preços de commodities e as taxas de câmbio de commodities no Forex apenas a médio e longo prazo. Além disso, lembre-se de que as exportações são apenas uma parte de uma economia dependente de commodities. Decidir sobre abrir ou fechar uma posição com moedas de commodities no Forex, certifique-se de estar ciente de outros fatores que influenciam a economia do país, tais como: taxa de refinanciamento, situação política no país, etc.

Por favor, preencha o formulário abaixo:

Como você classificaria o suporte que recebeu?

Comentários:

não necessário

Sua opinião é muito importante para nós.
Obrigado por preencher nossa pesquisa online.

smile""