empty
 
 
30.11.2022 05:36 PM
A libra tem medo de se afogar, mas pretende subir e continua sua jornada.

This image is no longer relevant

A moeda britânica está passando por uma notável volatilidade esta semana, passando de um aumento tangível para um declínio moderado. De acordo com os analistas, a libra esterlina tem uma chance de subir mais e se estabelecer no topo, mas tal sucesso será de curta duração.

A libra começou a semana com o crescimento, mas mais tarde ela desistiu parcialmente de suas posições. Na terça-feira, 29 de novembro, a libra esterlina se fortaleceu visivelmente em relação ao dólar, que continua sendo um bem procurado pelos investidores como porto seguro. Os mercados estão atualmente no limite, temendo uma recessão prolongada na Grã-Bretanha. De acordo com dados do PMI, a atividade econômica no país permanece em seu nível mais baixo em 21 meses, mas os especialistas estão vendo algumas melhorias.

Neste cenário, GBP/USD está passando por uma volatilidade significativa, passando de um breve aumento para um novo declínio. No início da semana, o par ganhou 45%, chegando a 1.2014. Note-se que na semana passada o par GBP/USD subiu para uma alta de três meses de 1,2153. No entanto, mais tarde, o par perdeu seus ganhos e caiu dos máximos que atingiu. Na terça-feira, 29 de novembro, o par recuou abaixo de 1.1950. Na manhã de quarta-feira, 30 de novembro, o GBP/USD recuperou algumas de suas posições e foi negociado próximo de 1.1957.

This image is no longer relevant

Na opinião de economistas do banco ING, a libra permanecerá vulnerável até o final de 2022. A queda abaixo de 1.2000 foi seguida por um fortalecimento notável do dólar. Assim, o dólar subiu substancialmente e a libra caiu, temendo um panorama econômico sombrio para a Grã-Bretanha.

A incerteza econômica no país é alimentada pelas ações do Comitê de Política Monetária do Banco da Inglaterra, que tem uma decisão importante a tomar. Espera-se que o Banco Central aumente sua taxa principal em 50 bps para 3,50% em sua próxima reunião em 15 de dezembro. O Banco Central vem aumentando as taxas desde o final de 2021 para conter a inflação e não prejudicar a economia nacional. Além disso, os participantes do mercado estão esperando o discurso do Governador do BoE Andrew Bailey no Parlamento. Ele acontecerá em duas semanas, em meados de dezembro.

O Banco Central dará atenção especial aos riscos de inflação, que podem desestabilizar a economia britânica. Segundo os analistas da TD Securities, eles estão mudando para baixo. Ao mesmo tempo, os analistas não descartam que o BoE continuará a aumentar as taxas para 4,25%. De acordo com projeções preliminares, em dezembro de 2022 e em fevereiro de 2023, o Banco Central aumentará a taxa em 50 bps, e em março do próximo ano - em 25 bpd. A concretização deste cenário levará a atingir a taxa final de 4,25%, resumida na TD Securities.

Na situação atual, muitos analistas acreditam que a economia britânica já tenha entrado em recessão. Assim, os economistas do Danske Bank esperam que o PIB da Grã-Bretanha caia nos próximos quatro trimestres. Neste caso, o Danske Bank acredita que o país só poderá passar por um crescimento econômico no quarto trimestre de 2023. Como resultado, a taxa de desemprego aumentará para 5%, e a inflação permanecerá alta ao longo de 2023.

Este cenário forçaria o BoE a perseguir uma estratégia de aumento adicional das taxas. Ao mesmo tempo, segundo as previsões, a primeira redução na taxa chave não ocorrerá antes de 2024. Como o aumento da inflação está dificultando cada vez mais a economia britânica, o banco central tem que ser decisivo para apertar a política monetária. Entretanto, de acordo com Catherine Mann do Comitê de Política Monetária (MPC) do BoE, o banco central "corre o risco de perder a batalha para reduzir a inflação para o alvo de 2%". De acordo com Mann, agora a inflação pode se fixar em 4% e permanecer nesta faixa por um longo tempo. Ao mesmo tempo, os participantes do mercado esperam que o BoE aumente as taxas de 5,5% para o nível final de 5,75% até meados de 2023.

Assim, o papel da libra esterlina como moeda de reserva está aumentando, embora uma dinâmica positiva adicional de libras esterlinas seja duvidosa. Lembre-se que a libra esterlina representa 5% das reservas cambiais globais, enquanto o Reino Unido representa apenas 3% do PIB global. Entretanto, de acordo com os analistas da Natixis, o papel da libra esterlina como moeda de reserva continua em perigo devido aos problemas econômicos, ao declínio da atratividade de investimentos do Reino Unido e à deterioração do crescimento econômico do país.

Larisa Kolesnikova,
Especialista em análise na InstaForex
© 2007-2024
GBPUSD
Great Britain Pound vs US Dollar
Summary
Neutral
Urgency
1 week
Analytic
l Kolesnikova
Start trade
Ganhe com as variações das taxas das criptomoedas com a InstaForex.
Baixe o MetaTrader 4 e abra a sua primeira operação.
  • Grand Choice
    Contest by
    InstaForex
    InstaForex always strives to help you
    fulfill your biggest dreams.
    PARTICIPE DO CONCURSO
  • Chancy Deposit
    Deposite US $ 3.000 em sua conta e receba $1000 mais!
    Em Abril nós sorteamos $1000 na campanha Chancy Deposit!
    Tenha a chance de ganhar, depositando $3,000 em sua conta de negociação. Após cumprir essa condição, você se torna um participante da campanha.
    PARTICIPE DO CONCURSO
  • Trade Wise, Win Device
    Abasteça a sua conta com pelo menos $500, inscreva-se no concurso e tenha a chance de ganhar dispositivos móveis.
    PARTICIPE DO CONCURSO
  • Bônus de 100%
    Sua oportunidade única de receber um bônus de 100% em seu depósito
    RECEBA O BÔNUS
  • Bônus de 55%
    Solicite um bônus de 55% em cada depósito
    RECEBA O BÔNUS
  • Bônus de 30%
    Receba um bônus de 30% toda vez que você fizer um depósito em sua conta
    RECEBA O BÔNUS

Recommended Stories

Não pode falar agora?
Faça sua pergunta no chat.
Widget callback