empty
 
 
Venezuela vai pagar benefícios sociais em criptomoeda apoiada pelo Estado

Venezuela vai pagar benefícios sociais em criptomoeda apoiada pelo Estado

Segundo o presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, o governo deve adotar medidas não convencionais para combater a inflação. O chefe de estado sugeriu o pagamento de benefícios sociais na criptomoeda nacional Petro.

O presidente está confiante que esta medida contribuirá para aumentar a estabilidade financeira e econômica do país. Além disso, será possível “petrolizar” os pagamentos sociais aos funcionários públicos, incluindo representantes da administração estadual centralizada e descentralizada, além do setor público.

Maduro acredita que a medida preservará o valor real dos benefícios sociais em meio à hiperinflação. Notavelmente, a taxa de inflação na Venezuela atingiu 2.959,8% em 2020. Nesse sentido, as autoridades do país estão considerando a indexação dos níveis de salário básico em relação à criptomoeda nacional Petro. Essa medida é necessária para erradicar a pobreza extrema. O valor da criptomoeda nacional depende dos preços do petróleo, ouro, minério de ferro e diamantes.

No entanto, é bastante difícil para o governo implementar este projeto. Ele ainda está sendo considerado, enquanto a taxa de inflação no país segue em aceleração. Particularmente, entre 2014 e 2020, a receita cambial da Venezuela caiu 98,6% devido às sanções dos EUA. Nos últimos sete anos, as contribuições da estatal de petróleo e gás PDVSA para o banco central caíram mais de 99%. Anteriormente, a corporação contribuiu com US $56,609 bilhões. Agora, a quantia caiu para US $73,4 milhões por ano, observam analistas.

Back

See aslo

Não pode falar agora?
Faça sua pergunta no chat.