empty
 
 
WEF adverte sobre possível divisão na economia global.

WEF adverte sobre possível divisão na economia global.

Especialistas advertem que uma recuperação econômica global desigual pode aprofundar as divisões nas sociedades e entre os países num futuro próximo. De acordo com o Fórum Econômico Mundial, a economia mundial corre o risco de se dividir "em trajetórias divergentes" devido a desequilíbrios no mercado de trabalho, e também com o aumento das diferenças na educação e nas habilidades.

O relatório do WEF diz que a estagnação econômica provocada pela pandemia do coronavírus, associada a uma série de problemas antigos, representa uma séria ameaça para o mundo inteiro. As últimas projeções sugerem que até 2024, a economia global cairá 2,3% comparado com os níveis pré-pandêmicos. "O aumento dos preços das commodities, a inflação e a dívida são riscos emergentes. Além disso, com outro pico nos casos da COVID-19, a pandemia continua a sufocar a capacidade dos países de facilitar uma recuperação sustentada", disse a organização em um relatório. Estes fatores poderiam dilacerar a economia mundial, aumentando assim o fosso entre os países, acreditam os especialistas.

De acordo com a pesquisa do WEF, apenas 11% dos entrevistados esperam que a recuperação econômica global se acelere até 2024, enquanto 89% consideram as perspectivas a curto prazo insustentáveis. Ao mesmo tempo, 84% dos especialistas globais pesquisados pelo Fórum Econômico Mundial são pessimistas quanto às perspectivas de crescimento econômico global. "A recuperação econômica global corre o risco de ser desviada pela variante ômicron do coronavírus. A Europa parece particularmente vulnerável: as recuperações da Alemanha, França e Itália estão cada vez mais sob tensãoo", observou Tom Orlik, economista-chefe da Bloomberg Economics.

Back

See also

Não pode falar agora?
Faça sua pergunta no chat.