empty
 
 
Morgan Stanley destaca razões para a baixa do mercado de criptomoedas.

Morgan Stanley destaca razões para a baixa do mercado de criptomoedas.

Analistas do Morgan Stanley dizem que a razão subjacente à recente queda no mercado de criptomoeda é que o Federal Reserve embarcou em um aperto monetário agressivo. Segundo especialistas, a política monetária ultra-suave e as medidas de estímulo massivo adotadas como um programa de ajuda de emergência prepararam o terreno para o impressionante rally dos tokens digitais. Resumindo, as baixas taxas de juros, a expansão dos balanços do banco central e o estímulo do governo foram todos “motores de aumentos exponenciais dos preços das criptomoedas” ao longo de 2020 e 2021, Morgan Stanley apontou em uma nota de pesquisa. Os mercados de cripto alavancados estão agora enfraquecendo à medida que o Federal Reserve dos EUA e outros bancos centrais pretendem reduzir seus balanços patrimoniais. Portanto, eles preparam os investidores globais para taxas de juros mais altas.

Ao analisar a correlação direta entre a política monetária e a dinâmica do bitcoin, os analistas do Morgan Stanley descobriram que a capitalização de mercado do bitcoin acompanhou o crescimento da oferta global de dinheiro. O aumento anual da oferta de dinheiro M1 atingiu seu auge em fevereiro de 2021, ao passo que a taxa de crescimento anual do bitcoin atingiu seu auge um mês depois, em meados de março. Os especialistas dos bancos não encaram isto como uma coincidência. O bitcoin, outras criptomoedas e outros ativos de alto risco se beneficiaram de enormes injeções de liquidez dos principais bancos centrais e da política de taxas de juros baixas.

Back

See also

Não pode falar agora?
Faça sua pergunta no chat.